Desdobramento: Fenómeno explicável e potencial do ser humano

No dias 3 de Fevereiro 2017, das 19h às 20h, na Casa Manuel Teixeira Gomes desenvolver-se-á uma conferências da Associação Arqueosofica entitulada

Desdobramento:

Fenómeno explicável e potencial do ser humano

2016-bozzetti-alem-misterioso9

Nesta conclusão agora chegou também a ciência quando por exemplo fala da existência de uma alma que resiste à destruição corporal. As religiões antigas como a egípcia, mas também a nossa tradição cristã, tinham ração de ter um culto para as almas dos mortos.
Endocrinologista, cardiologistas, físicos, mas também jornalistas ou pessoas não pertencentes à o âmbito científico, todos os testemunhos de experiências que não podem ser explicadas apenas dentro o restrito recinto das três dimensões. Espectadores e “atores”, involuntariamente foram também as pessoas que viveram acidentes, tomaram medicamentos, ou mesmo outros que simplesmente tiveram espontaneamente este tipo de fenomenologia.
Tudo isso comprova que a consciência dos seres humano não está ligada ao cérebro e as suas funcionalidades, mas vai muito além disso, porque quando isso não funciona para doenças traumas ou outro e a pessoa puderam despertar-se de um coma profundo, contaram detalhes de sua vida, situações, as habilidades do que eles não tinham antes, ou contaram que visitaram lugares, diferentes segundo a preparação das pessoas, comuns para a simbologia do que tratam.
Por que disso pode-se falar duma viagem que a consciência faz do corpo anatómico através dos corpos energéticos que constituem o indivíduo, ida e volta do além, experiência que pode espontaneamente alcançar como resultado de uma luta interior neste e em em vidas anteriores, e que em alguns indivíduos houve com uma certa espontaneidade, como no caso dos santos que haviam ubiquidade para o plano físico e de desdobramento para visitar divisões espirituais elevadíssimos.

Este tipo de experiência os antigos a denominavam “Morte Iniciática“, mas faz parte dos mistérios do Cristianismo esotérico.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s